Atualizado em 27 de junho de 2018 às 16:26

Cidadãos começam a escolher demandas da Consulta Popular

Francisco Bosco Câmara de Vereadores recebeu vários eleitores

Francisco Bosco Câmara de Vereadores recebeu vários eleitores

A tentativa de conquistar recursos para a região, mediante orçamento do governo estadual, começou, ontem, com a Consulta Popular. Até amanhã, os cidadãos devem escolher um dos 10 projetos elencados pelo Conselho Regional de Desenvolvimento da Campanha (Corede Campanha). No total são 28 regiões que representam os 497 municípios do Rio Grande do Sul. Para a Campanha, o Estado projeta uma liberação de pouco mais de R$ 3 milhões, a serem aplicados em 2019. Tal montante será dividido entre as quatro demandas mais votadas.
Em 2017, foram mais de 705 mil eleitores. Este ano, a expectativa é por mais de um milhão de votantes. Os projetos escolhidos serão incluídos no orçamento do Estado para 2019. Os projetos executados em 2016 e 2017 já foram pagos. Quanto aos novos, definidos na consulta de 2018, a previsão é de que sejam quitados em julho.
Entre os diversos pontos de votação espalhados, a praça Silveira Martins foi um dos que mais chamou a atenção, pelo fato de estar situado num dos locais com maior fluxo na cidade. O aposentado Jorge Pinto, 61 anos, conta que esta é a segunda vez que participa da Consulta Popular. “Soube dos projetos pela imprensa. Estou lutando pela área da segurança. Este pleito é muito importante, pois é a oportunidade de buscarmos verbas para nossa comunidade”, enfatiza. Por sua vez, a dona de casa Veridiane Barreto, 24 anos, votou pela primeira vez. “Estava passando pela praça e me informaram sobre a votação. Escolhi a área da segurança. Achei importante, pois é o momento de nós escolheremos o que queremos melhorar na nossa cidade”, salienta.

Como votar

Há três formas de votação: no site da Consulta Popular (www.consultapopular.rs.gov.br); presencialmente, por meio do aplicativo disponibilizado aos representantes do Corede e Comude (na Universidade da Região da Campanha, Santa Casa, Hospital Universitário, IGP, Câmara de Vereadores, prefeitura e praça Silveira Martins) ou por SMS enviada para o número 27902, com a palavra RSVOTO#(número do título de eleitor)#(número do programa, de 1 a 10).
Estão aptos a participar todos os cidadãos que possuem domicílio eleitoral fixado no Rio Grande do Sul. Vale ressaltar que é necessário o número do título de eleitor. Caso o cidadão não esteja com ele em mãos, a pesquisa pode ser feita pelo site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

BOX

Projetos

1 – Apoio ao desenvolvimento da agricultura familiar
2 – Ampliação, reforma e aquisição de equipamentos para estabelecimentos de saúde vinculados ao SUS
3 – Reaparelhamento dos órgãos de segurança
4 – Promoção da paz e prevenção ao uso indevido de drogas no RS
5 – Políticas para as mulheres
6 – Mecanização rural
7 – Infraestrutura e equipamentos turísticos
8 – Laboratórios tecnológicos de aprendizagem para a educação profissional-técnica de nível médio
9 – Programa estadual de saneamento
10 – Apoio à recuperação de estradas vicinais

Fonte Jornal Folha do Sul

 
 
 

Seja o primeiro a comentar

 
 



 
 


6 − = três

 
 

Clique em Curtir

 

Previsão do Tempo

 
 
 
Curta a Alternet no Facebook
Desenvolvido por | Time 7