Atualizado em 11 de junho de 2018 às 20:22

Aplausos!

Recado de Despedida para Dom Gílio

De repente a notícia de que Dom  Gílio, por problemas de saúde, vai ter que nos deixar. Na manhã gelada de junho, o inverno pareceu, de repente, mais desolado e sem consolo. A figura mansa, adequada e doce do Pastor Católico, benquisto por todos, já fazia parte integrante e familiar da vida dos mais variados segmentos da cidade, como patrimônio fraterno e inteligente do espírito comunitário de uma cidade de história rural tão vigorosa e modernidade urbana tão frágil.

Só Dom Gílio, como ninguém, conseguia conviver conciliatoriamente com todas as vertentes, religiosas e sociais deste mundo de Deus, com tão sóbria serenidade e leveza.  Só ele se fazia tão presente nos mais variados convívios e eventos. Atendendo rigorosa rotina regional de Diocese, tomava café nas manhãs tranquilas de sábado, com amigos na LEB. Abençoava a cada momento, a todos com sua bela figura acolhedora e seu largo sorriso de dentes tão alvos. Vestia pilcha para os desfiles gaúchos, recebia com a maior naturalidade os belos Rituais Afros ou a salva emocionante de sinos da Igreja dissidente do Crucificado, na doce passagem de luzes da Procissão da Auxiliadora.

Nele, a afirmação bíblica de que o Pastor conhece profundamente suas ovelhas e de que suas ovelhas tão bem o conhecem, se fazia exercício cotidiano. Por tudo isso, por seu carisma marcante e sua sempre adequada e atenta postura, a luz  Maior já escreveu, para sempre, o seu nome na história de Bagé.

No coração de cada um de nós, fica a esperança de sua recuperação e retorno. Que os caminhos de Gílio, nosso grande e insubstituível Pastor, por onde quer que se tracem, sejam iluminados  e leves, para que Ele possa voltar ao calor do nosso abraço, sempre cheio de gratidão, admiração e o mais profundo afeto.

Seus amigos para sempre do Cultura Sul e Projeto Ecoarte.

Bagé, junho de 2018.

 Bispo Emérito Dom Gílio Felício

Bispo Emérito Dom Gílio Felício

A IMAGINAÇÃO NO PODER, ou melhor, na histórica paisagem da hidráulica de Bagé. Sábado, pontualmente às 9h30min, um carro  do Daeb estacionou em frente à Casa de Cultura Pedro Wayne onde 12 artistas plásticos embarcaram e seguiram rumo à hidráulica. Lá, cada um deles recebeu um kit completo para rabiscar o que a imaginação lhes permitisse. Depois, esses croquis devem resultar em duas obras, técnica livre, uma será entregue ao acervo daquele espaço “da memória da água”, administrado pelo Daeb. Aplausos!

 

' Focus Cia de Dança, Rio, no camarim, Dança Bagé, clic Carlos Kurt

Focus Cia de Dança, Rio, no camarim, Dança Bagé, clic Carlos Kurt

TAMBÉM sábado, por volta das 10h30min, alguns bailarinos “Dança Bagé” faziam intervenções na esquina da Casa de Cultura. Eles dançavam aqui, os artistas pintavam lá. Então, eu pensei por que as danças e as pinturas e até as fotografias, tudo poderia vir embalado por música “ao vivo”, não se encontraram naquele jardim centenário da hidráulica? Imaginem se a comunidade pudesse assistir a esse espetáculo literalmente multimídia. Até mesmo a oficina de dança da Focus Cia de Dança (do Rio) poderia ter sido naquele auditório novinho, que tem dois salões de apoio. Duvido que alguém fosse reclamar. E os visitantes levariam daqui a melhor das recordações. Um festival de dança com diferencial, eles sempre são parecidos e repetitivos. Pensem nisso, ano que vem tem mais. “Pode não ser a sua opinião, pode não ser a melhor opinião, mas esta é uma coluna com opinião.”

 

 Eva Schul, convidada especial do Dança Bagé, Anacarla Flores e Alex Neoral, diretor da Focus Cia de Dança

Eva Schul, convidada especial do Dança Bagé, Anacarla Flores e Alex Neoral, diretor da Focus Cia de Dança

TENOR Flávio Leite passa a semana em Amsterdã.  Ele vai cantar, em julho, 28 e 29, no Theatro São Pedro, Porto Alegre. Em cena, a ópera  “O Quatrilho”, de Vagner Cunha. Trata-se de adaptação do livro, de 1985, que conta a história de dois casais de descendentes italianos que constroem suas vidas no interior do Rio Grande do Sul no início do século XX. Combinando o talento do compositor gaúcho Vagner Cunha ao de José Clemente Pozenato, autor da obra original, a adaptação garante uma leitura moderna e vivaz não só para o romance, mas também para o gênero da ópera como um todo. Elenco: Carla Maffioletti, Maíra Lautert, Flavio Leite e Daniel Germano. Regente, Antônio Borges-Cunha, direção Luís Artur Nunes. Aplausos!

"A arte e a Subjetividade nas relações humanas": Heloisa Beckman, Fernando Grillo Gomes, Lúcia Grillo Gomes, clic Fábio Lucas

"A arte e a Subjetividade nas relações humanas": Heloisa Beckman, Fernando Grillo Gomes, Lúcia Grillo Gomes, clic Fábio Lucas

EM agosto (9), a ópera O Quatrilho será apresentada no Cultural Dom Diogo de Souza, agendem-se meninos e meninas…CONTRATENOR José Lemos voltou, sábado, para os Estados Unidos...LOJAS OBINO, 68 anos, comemoram a data apresentando, em Bagé,  “ O baile do nego véio”, domingo (17), ginásio Auxiliadora. Esse show terá no palco o elegante e personalíssimo Alexandre Pires, três horas de muita animação, uma excelente banda o acompanha. De fato, um show imperdível. Aplausos!

'Leila Kalil Castro, Débora Acevedo, Maria Zilma Karam, "A arte e a Subjetividade nas relações humanas", palestra de Fernando Gomes, sexta-feira, clic Fábio Lucas

Leila Kalil Castro, Débora Acevedo, Maria Zilma Karam, "A arte e a Subjetividade nas relações humanas", palestra de Fernando Gomes, sexta-feira, clic Fábio Lucas

AS MELHORES UNIVERSIDADES precisam ser verdadeiramente globais; elas precisam contar com muitos colaboradores de outros países, que as permitam divulgar suas pesquisas teóricas ou práticas no mundo todo.” Da Unipampa, professor, doutor Hélvio Rech foi convidado a concorrer a Deputado Federal; pelo visto ele já aceitou candidatar-se, uau!

Biblioteca Otávio Santos, sexta-feira, Solange Seidi Gomes, Regina Gomes Macedo, Fernando Grillo Gomes, Lúcia Gomes, Susana Grillo, clic Fábio Lucas

Biblioteca Otávio Santos, sexta-feira, Solange Seidi Gomes, Regina Gomes Macedo, Fernando Grillo Gomes, Lúcia Gomes, Susana Grillo, clic Fábio Lucas

 INAUGURA, hoje (12), na Casa de Cultura Pedro Wayne, exposição varal fotográfico “Belezas Naturais do Pampa”, de Anabela Silveira de Oliveira Deble, professora da Urcamp...AMANHÃ (13), ENTRE ELAS, mostra de fotografias assinadas por Julinho Pimentel, coquetel às 19h, na AZ Galeria; também exposição (e comercialização) de acessórios Carmem Lúcia Costa.

PASSEANDO pela Europa, Rosália Guessinger, a irmã e o cunhado…QUEM esteve em Portugal foi o casal proprietário da Arte & Flores; Ivan e Stel voltaram encantados com o passeio que realizaram e programam Itália ano que vem. Nesta sexta-feira (15), os arranjos da Arte & Flores estarão expostos na galeria Edmundo Rodrigues. Aplausos!

SÁBADO (16), na Casa de Festa Candelária, em Artigas, Betina e Mário Lamego recebem 400 convidados para festejar os 15 anos das filhas Luiza e Camila. A decoração será de Jorge Elias…O DIRETOR de teatro Michel Godinho e o grupo Os Carlitos encenam “O Alto da Compadecida”, Ariano Suassuna, dia 30, quatro sessões, no teatro Santo Antônio, Centro Histórico de Santa Thereza. Aplausos!

 

 

 

 
 
 

Seja o primeiro a comentar

 
 



 
 


dois + 2 =

 
 

Clique em Curtir

 

Previsão do Tempo

 
 
 
Curta a Alternet no Facebook
Desenvolvido por | Time 7