Atualizado em 19 de março de 2014 às 18:57

Avançam obras de reforma da aduana de Aceguá

As obras no posto aduaneiro brasileiro, localizado no município de Aceguá, já completam três meses e o inspetor chefe da Receita Federal em Bagé, Leandro Tessaro Ramos, destaca que a reforma estará pronta no mês de junho.
De acordo com Ramos, o investimento prevê a criação de ambientes de trabalho para a Receita Federal, Polícia Federal, Aduana do país vizinho e a Dirección Nacional de Migración uruguaia. Parte dessas adequações é oriunda do acordo firmado entre Brasil e Uruguai para os atendimentos alfandegários. “A principal alteração é uma reforma completa na estrutura interna do posto que há muito tempo estava defasada ”, comenta o inspetor reforçando que tal ação irá melhorar e agilizar o atendimento de turistas e o controle de bagagens e mercadorias.
Ramos informa que essa adequação terá na estrutura um estacionamento, além de cobertura sobre a pista da RS-153, bem como a construção de dois boxes cobertos. “Esse pórtico permitirá que o servidor público possa ter acesso aos produtos que, por exemplo, estiverem em um caminhão, com a devida segurança e também protegido das intempéries”, ressalta Leandro.
O inspetor chefe da Receita Federal também destaca que será construída uma área de convivência com sala de espera e banheiros. “É uma demanda antiga e, feita com razão pelos caminhoneiros, que muitas vezes não tinham uma estrutura adequada para poder descansar enquanto aguardavam os despachos da aduana”, explica.
A obra de reforma principal do posto aduaneiro, como as demais construções estão sendo executadas por uma empresa bageense que ganhou a licitação. “Conseguimos no limite do prazo a liberação de recursos para que a obra iniciasse. A importância de ter sido contratada uma empresa bageense está na facilidade para o andamento da obra, além de gerar um grande número de empregos diretos e indiretos nos dois municípios”, reforça.
A reforma no posto da aduana de Aceguá faz parte de uma ação que visa implementar melhorias nas aduanas brasileiras que contarão com grande fluxo de turistas durante a Copa do Mundo.

Fonte: Jornal Folha do Sul

Estão previstas mudanças internas e externas na estrutura

 
 
 

Seja o primeiro a comentar

 
 



 
 


um × 5 =

 
 

Clique em Curtir

 

Previsão do Tempo

 
 
 
Curta a Alternet no Facebook
Desenvolvido por | Time 7