Atualizado em 26 de fevereiro de 2014 às 11:58

Supermercados têm diminuição de cerca de 2%…

…No faturamento.

Pequeno índice de aumento nos salários, suba da carne e importados contribuíram para a quedaO aumento dos valores dos produtos alimentícios acima da inflação fez com que o setor de supermercados tivesse uma redução de cerca de 2% no faturamento. Um dos principais motivos é o salário, que com o aumento dos produtos não acompanharam os índices inflacionários e, com isso, diminuiu o poder de compra dos bajeenses.

Os principais vilões segundo o diretor da Associação Gaucha de Supermercados (AGAS), LindonorPeruzzo, foram à carne e os produtos importados. Ele salientou que, com os importados sobe o preço da farinha de trigo e, com isso, o pão, biscoito e massas “As pessoas se assustam e consomem menos”, disse.
Segundo Peruzzo, o crescimento do setor foi de cerca de 4% e, como os índices inflacionários variam entre 5% e 7% há um aumento mensal deficitário. “O consumo diminuiu, mas não falta produto na prateleira”, informou.
No último ano houve um aumento considerável no valor dos hortifruti e o valor do tomate foi um dos principais vilões da inflação. Segundo Peruzzo, este ano, a fruta e a verdura não apresentaram aumento. Ele explicou que este setor depende do clima e o calor em excesso não foi suficiente para causar danos.
Outro produto citado pelo diretor foi o leite. Ele comentou que há cerca de três meses o preço do litro ultrapassava R$ 2 e, hoje, há promoções de até R$ 1,4 por litro.
Fonte: Jornal Minuano
 
 
 

Seja o primeiro a comentar

 
 



 
 


cinco + 3 =

 
 

Clique em Curtir

 

Previsão do Tempo

 
 
 
Curta a Alternet no Facebook
Desenvolvido por | Time 7